quinta-feira, 26 de maio de 2022 - 26/05/2022 17:24:19
Revista Portal Útil

O conteúdo "Cirurgia de Papada: Procedimentos e como funciona" foi feito por Marcela Ferreira e distribuído por Revista Portal Útil na categoria Saúde em . Conteúdo atualizado em .


O Brasil é o país que mais faz procedimentos estéticos em todo o mundo. Isso é comprovado através de uma pesquisa realizada pelo ISAPS – Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica e Estética, onde em sua maioria são mulheres de 35 até 50 anos, que buscam corrigir imperfeições do avanço da idade.

Na maioria dos casos, optam pela lipoaspiração, procedimento envolvido na cirurgia da papada, que tem como origem o envelhecimento da pele e acúmulo na região do pescoço, veremos mais a seguir.

O que este artigo aborda:

O que é cirurgia de papada?

A idade vai chegando e algumas marcas da vida começam a surgir e causar certo desconforto. É normal, nos dias de hoje, as pessoas buscam soluções estéticas que agraciaram com uma juventude nova. E uma delas é a cirurgia de papada.

Mas primeiro, entenderemos o que é a papada. Conhecida popularmente como queixo duplo, essa condição ocorre a partir da flacidez da pele, gerando um acúmulo da mesma e de gordura na região do pescoço, devido ao natural envelhecimento desse órgão.

Já a cirurgia da papada, segundo o ISAPS, o procedimento consiste na: 

Cirurgia de Papada: Procedimentos e como funciona

Remoção de tecido adiposo indesejado com um dispositivo de cânula e vácuo, promovendo e melhorando a forma facial da linha da mandíbula ou mesmo usando abordagem lipólise a laser”.

Sobre sua duração, não se preocupe, é rápida, durando cerca de 30 minutos a 1 hora, aproximadamente. Possui procedimento ambulatorial e o uso de anestesia local ou geral dependendo do caso.

Por fim, para os mais curiosos, a sua recuperação será entre 20 e 28 dias, alcançando bons resultados para pacientes com excesso de gordura ao longo da papada.

Quais os procedimentos para realizar uma cirurgia plástica de papada?

Considerada uma das mais importantes de rejuvenescimento facial, a cervicoplastia é o procedimento utilizado na papada. O seu objetivo é melhorar o contorno do pescoço e rejuvenescer esta região para deixá-la em harmonia com a face.

Mas, para casos de excesso de gordura facial, uma lipoaspiração na região será a solução. Caso o paciente apresente afastamento dos músculos do pescoço, poderá ser necessário um corte abaixo do queixo para a correção do problema.

De qualquer forma, o melhor procedimento sempre dependerá de cada caso, sendo necessário análise e aprovação por um profissional de qualidade da área, no caso, cirurgião plástico.

Para quem a cirurgia da papada é indicada?

A indicação para realizar a cirurgia de papada deve ser em casos onde o paciente apresente excesso de pele na região do pescoço. Para quem está mais atento, a maioria desses casos ocorre devido ao envelhecimento, onde, dessa forma, o procedimento será destinado ao público com idade mais avançada.

Mas engana-se quem achar que o jovem não pode sofrer com essa condição. Casos de emagrecimento, em situações de alta perda de peso, podem gerar a famosa papada. Questões genéticas também estão envolvidas.

Os cirurgiões plásticos recomendam que antes da cirurgia, o paciente não tenha o hábito de fumar, ou pelo que evite nos dias que antecedem, além de possuir uma vida saudável, com boa alimentação e prática regular de exercícios, a fim de evitar a concentração de gordura na região no futuro.

Quais são os riscos associados ao procedimento da cirurgia de papada?

Como tudo no âmbito da saúde, a cirurgia da papada possui os seus riscos e manifestações indesejáveis.

Após o procedimento, o paciente sentirá efeitos como inchaço, dor e sensação de queimação temporários nas áreas trabalhadas. Mas tranquilo, tudo poderá ser controlado em tratamento ambulatorial.

Já os riscos, bom, aqui podem ocorrer infecções assimetria da face, alterações da pigmentação (hiper ou hipo) e diminuição de sensibilidade também das áreas trabalhadas.

Para evitar ao máximo essas questões, é sempre bom escolher o melhor local para realizar a cirurgia.

Como é o lifting de papada?

Existem dois tipos. O não cirúrgico, que é destinado para os pacientes que apresentam o início do surgimento da papada. Nesse caso, usa-se o Silhouette – um fio de sustentação composto por ácido polilático, que promove o efeito de lifting sem a necessidade de cirurgia, o que aumentará consideravelmente a produção de colágeno.

Já para os casos mais sérios, esse sim com a necessidade de cirurgia, ou no caso, o lifting de papada cirúrgico. Por aqui, o uso de anestesia ocorre, onde o cirurgião realiza uma pequena lipoaspiração. A partir de então, reposiciona o tecido subjacente e redefine o contorno da área. Já para fechar as incisões, é possível fazer suturas ou usar adesivos de pele.

Marcela Ferreira

Enfermeira pós graduada com especialização em traumas, urgência e emergência. 12 anos de experiência na área de saúde mental na rede SUS do município de Belo Horizonte. Atuo com criança, adolescentes, adultos e usuários de múltiplas drogas.

1

Pode ser do seu interesse

Tatuagem e ressonância magnética: existem riscos?

Tatuagem e ressonância magnética: existem riscos?

Acne depois dos 20: causas e como tratar

Acne depois dos 20: causas e como tratar

Os três melhores exercícios para ansiedade e depressão

Os três melhores exercícios para ansiedade e depressão

Mente saudável: como a meditação pode ajudar

Mente saudável: como a meditação pode ajudar

Telemedicina: confira os certificados digitais necessários para médicos

Telemedicina: confira os certificados digitais necessários para médicos

Cuidados ao treinar ou correr no clima seco

Cuidados ao treinar ou correr no clima seco