Revista Portal Útil

Um tradutor no Brasil pode iniciar neste segmento ganhando R$ 1.690,00 de salário e pode vir a faturar até R$ 4.139,00, segundo o site vagas.com

Se você pretende aproveitar este mercado que está em alta, confira como ser tradutor no país e o que é preciso para se destacar na área. 

O que este artigo aborda:

Como ser tradutor no Brasil: 7 formas
Como ser tradutor no Brasil: 7 formas
Pin It

Quais são os tipos de tradutor profissional?

Abaixo, você confere quais são as maiores demandas dos tradutores no Brasil:

  • Tradução livre;
  • Tradução técnica;
  • Tradução acadêmica;
  • Tradução juramentada;
  • Tradução investigativa;
  • Tradução literal;
  • Tradução simultânea.

Vamos entender cada uma delas! 

1. Tradução livre 

É indicada para fins não oficiais, isto é: 

  • Séries de TV;
  • Peças publicitárias;
  • Sites;
  • Filmes;
  • Espetáculos;
  • Cartas;
  • Currículos;
  • Livros, entre outros materiais.

Para trabalhar nessa área, é preciso ter conhecimento e domínio do idioma, bem como ter referência dos países de origem. Isso porque muitos termos contêm gírias e significados distintos da tradução literal. 

2. Tradução técnica 

A tradução técnica, por sua vez, é direcionada para um segmento particular de conhecimento, podendo ser juramentada ou não. 

Como o próprio nome indica, ela é especializada em conteúdos mais técnicos, como artigos científicos, bulas e manuais. Além disso, é usada em vários setores de especialização, como: 

  • Medicina;
  • Farmácia;
  • Direito;
  • Jurídico.

Podemos concluir, portanto, que este tipo de tradução exige atenção redobrada, pois um erro pode tirar uma ideia de contexto, visto que cada palavra pode ter significados diferentes. 

3. Tradução acadêmica 

Em síntese, a tradução acadêmica consiste em um trabalho complexo, dependendo das nomenclaturas, do formato do material e dos idiomas aplicados. 

De maneira geral, estes são os conteúdos que fazem parte da tradução acadêmica:

  • Pesquisas;
  • Sumários;
  • Estudos;
  • Entre outros conteúdos associados ao mundo acadêmico. 

À vista disso, é imprescindível que o profissional tenha entendimento técnico da língua e, assim como em outros modelos de tradução, seja detalhista com a demanda. 

4. Tradução juramentada 

A tradução juramentada diz respeito a conteúdos oficiais com fé pública. Essa demanda só pode ser aplicada por profissionais habilitados, devendo prestar concurso para trabalharem no segmento. 

Em linhas gerais, um tradutor juramentado é responsável por traduzir um documento para outro idioma, sem alterar nenhuma informação. Assim, ele deve levar em conta as regras dos países envolvidos. 

5. Tradução investigativa 

Você tem à frente um tipo de tradução que oferece mais liberdade ao profissional, pois há um alto nível de interferência por parte dele. 

Em outras palavras, o especialista pode aprimorar ainda mais o trabalho, sem precisar se amarrar integralmente ao conteúdo original. 

Aqui, é indispensável que o tradutor mantenha contato com o autor para tirar dúvidas. 

Por fim, é um tipo de tradução que pode ser usado nos seguintes conteúdos: 

  • Comerciais;
  • Jornalísticos;
  • Científicos;
  • Técnicos.

6. Tradução literal 

É a tradução em que cada termo é traduzido rigorosamente ao conteúdo original. Em determinadas demandas, muitas expressões da língua materna têm vários significados.

Logo, pode ser normal que o leitor tenha dificuldade de compreender. Assim, muitos profissionais adicionam notas de rodapé que explicam o que cada expressão significa. 

7. Tradução simultânea 

É uma das mais conhecidas da nossa lista de como ser tradutor, uma vez que é bastante usada em eventos internacionais, como a Copa do Mundo. 

Aqui, o profissional traduz simultaneamente o que é falado em outra língua, o que permite que os ouvintes compreendam o que está acontecendo naquela hora. 

Em paralelo, a tradução é feita em palestras, quando os convidados são originários de outros países.

Nesses eventos, os participantes costumam usar fones de ouvido para ouvir o tradutor. 

Tudo certo com os tipos de tradução no Brasil? 

Esperamos que você tenha entendido tudo sobre tradução e, caso tenha interesse em trabalhar nessa área, invista no conhecimento em vários idiomas, como inglês, espanhol, francês, italiano e alemão. 

Dessa maneira, você terá mais oportunidades no mercado de trabalho.

Artigos relacionados:

Este artigo foi útil?

Agradeçemos o seu feedback.

Redação

A redação da Revista Portal Útil é formada profissionais com vasta experiência em diversos setores de atuação.

whatsapp sharing button
facebook sharing button
pinterest sharing button
twitter sharing button
sharethis sharing button

Pode ser do seu interesse