terça-feira, 17 de maio de 2022 - 17/05/2022 03:45:57
Revista Portal Útil

Publicado por Redação em 22/03/2022 às 13:40.

Este é o sonho de muitos brasileiros: trabalhar fora do Brasil e construir uma carreira internacional. Aqui, você tem algumas dicas que valem ouro nesta caminhada. Fique por dentro:

Trabalhar fora do Brasil é uma vontade de muita gente. Um sonho de longos anos para alguns brasileiros. Thais Oliveira, 31 anos, vive em Massachusetts – EUA, e sempre teve o sonho de viver em outro país. A vontade era de poder proporcionar uma vida melhor à sua família. Hoje, a jornalista que já trabalhou em grandes emissoras como correspondente internacional na América, afirma que se sente muito feliz, mas que a caminhada não foi fácil e precisou de muita persistência.

Para trabalhar fora do Brasil, conheça o passo a passo que pode te ajudar a realizar esta vontade:

O que este artigo aborda:

Como trabalhar fora do Brasil?

1 – Verifique permissões e vistos

Para trabalhar fora do Brasil é necessário um visto ou permissão de trabalho, sendo que o mesmo pode ainda estar atrelado à uma empresa. Portanto, é importante ter em mente como deve ser esta papelada e como conseguir os documentos exigidos. Custos com passaporte, documentações e etc. Muitas vezes, independente do lugar aonde se vá trabalhar, o interessado pode conseguir um visto ou permissão por período de tempo. Vale a pena se informar.

2 – Custo de vida e salário para trabalhar fora

Sonhar é muito bom, mas é preciso que se tenha os pés no chão. Antes de pensar em trabalhar fora do Brasil, é necessário planejar conforme os custos de vida do lugar onde se pretende viver, e claro, o quanto se pode receber de salário, para se ter alguma ideia se é realmente possível realizar o sonho ou se é necessário esperar um pouco mais. Não tenha pressa, verifique custos com pensão, aluguel e claro, possibilidades de renda e trabalhos que sejam fáceis de se conseguir.

Como fazer para trabalhar fora do Brasil?

Muitas vezes é possível alugar quartos em casas onde as famílias possuem cômodos vagos. Isso já permite uma certa economia com aluguel ou pensão, mas é preciso pensar nas formas de trabalho para garantir roupas, alimentação, vestuário, estudos e outros. Dificilmente um diploma válido no Brasil poderá render um emprego na área em outro país. Talvez seja necessário iniciar outra atividade e para tanto, é preciso estar preparado. Quanto mais conhecimento, melhor.

3 – Cursos online ajudam para trabalhar fora do Brasil

Para tanto, uma referência na área é o Gran Cursos Online. Estudar é imprescindível, e claro, quanto mais conhecimento se adquire, mais fácil de se conseguir uma boa oportunidade para trabalhar fora. 

É o caso de Silvio Souza, gerente de TI, que conseguiu uma ótima oportunidade na Irlanda, após uma década de trabalhos prestados em uma grande empresa do centro de São Paulo. Inglês e outros requisitos foram indispensáveis na construção desta “ponte” para que a diretoria internacional notasse a presença e a capacidade do funcionário brasileiro. 

Segundo ele: “Eu precisava muito melhorar o inglês e me aprofundar em outros conhecimentos que, segundo os meus contatos era necessário que eu adquirisse. Trabalhar fora do Brasil sempre foi o meu sonho, ainda mais depois que tive minha filha. Percebi que aquele era o momento de acelerar mais os meus planejamentos e percebi o quanto o Gran Cursos Online é bom para quem tem esse mesmo sonho”

Vale a pena investir em conhecimento e sobretudo, na própria formação. Dá só uma olhada no Gran Cursos Online e comece já a pensar na construção desta ponte. 

4 – Construa um network

O relacionamento profissional é muito importante, desde que feito de forma saudável. A busca por contatos que possam facilitar uma troca de conhecimentos na área é sempre bem vinda. Sobretudo quando o assunto é trabalhar fora do Brasil. Quem já faz parte desta rotina, pode fornecer dicas, orientações e quem sabe até mesmo indicações de lugares onde seja possível conseguir uma oportunidade de trabalho. 

Tudo de forma espontânea e claro, de forma sincera, onde haja uma troca de conhecimentos. O próprio nome já fala “rede de trabalho”, uma conexão com contatos que possam se ajudar cada qual em sua área de atuação e claro, nas possibilidades de expansão de atividades para outros países.

5 – Aprenda sobre a cultura e o país onde se quer trabalhar fora

Não adianta querer simplesmente sair do Brasil, para um determinado país, única e  exclusivamente por simpatizar-se com tal região. Conheça o país a fundo, veja suas principais atividades econômicas, seus estados / condados e cidades onde existam maiores oportunidades, verifique as culturas locais e tente aprender um pouco mais sobre elas, a fim de poder interagir com a população e se integrar mais facilmente, caso possa mudar-se para tal lugar.

Viver e trabalhar fora do Brasil não é um sonho impossível de realizar, desde que haja planejamento. Isso é muito importante, pois garante uma vida mais tranquila e um futuro muito melhor a quem se muda.

Redação

A redação da Revista Portal Útil é formada profissionais com vasta experiência em diversos setores de atuação.

1

Pode ser do seu interesse

Encontre o emprego perfeito usando estas dicas

Encontre o emprego perfeito usando estas dicas

Alô RH: 3 sinais de que você deve trocar os benefícios que você oferece!

Alô RH: 3 sinais de que você deve trocar os benefícios que você oferece!

BIG DATA: Conheça as oportunidades para sua carreira

BIG DATA: Conheça as oportunidades para sua carreira

Melhore suas chances de conseguir um emprego com um curso de informática

Melhore suas chances de conseguir um emprego com um curso de informática

Entenda a diferença entre vale-refeição e vale-alimentação

Entenda a diferença entre vale-refeição e vale-alimentação

A pandemia afetou as relações de trabalho?

A pandemia afetou as relações de trabalho?