sexta-feira, 1 de julho de 2022 - 01/07/2022 10:50:53
Revista Portal Útil

O conteúdo "Dicas para aumentar a longevidade do seu cão" foi feito por Redação e distribuído por Revista Portal Útil na categoria Pet em .


Aumentar a longevidade do seu cão é algo que todo dono de pet quer. Afinal, é fato que os cachorros não vivem muito e eventualmente o nosso bichinho terá de morrer, mas isso não significa que não podemos fazer o possível para aumentar o período dele com a gente, não é mesmo? A parte boa é que com alguns cuidados básicos, dá para aumentar bastante a vida do seu pet.

Atualmente, o Brasil tem cerca de 54 milhões de cachorros, que alegram a vida de muitos outros milhões de brasileiros. Alguns deles fazem funções essenciais, como acompanhar pessoas com deficiência visual na rua, por exemplo. Por isso, é vital ter alguns cuidados para aumentar a longevidade do seu cão, de modo a garantir mais tempo dele com você e sua família.

E é possível fazer isso? É sim! Quer saber como?

O que este artigo aborda:

5 dicas para aumentar a longevidade do seu cão

Veja a seguir algumas dicas para aumentar a longevidade do seu cão.

1. Cuidado com a alimentação dele

“Você é o que você come” — já ouviu falar nesse ditado? Se é assim com você, com certeza é a mesma coisa com o seu cachorro. Por isso, é vital alimentar bem o seu bichinho para que ele não tenha problemas futuros e possa ter uma vida longeva.

Dicas para aumentar a longevidade do seu cão

Só a ração já é o suficiente na maioria dos casos, não sendo necessário dar “comida de gente” para o seu cão. É claro que, se você quiser, pode completar com certos alimentos, mas não todos. Tem muita coisa que nós comemos e que os cães não podem comer.

Além de dar uma ração nutritiva para o seu cachorro, é vital alimentá-lo na frequência certa também. Isso ajuda a evitar a obesidade, que é um fator atrelado ao surgimento de doenças e que pode diminuir a longevidade do seu cão. Existem estudos, por exemplo, que indicam que alimentar o cachorro uma vez por dia é o mais indicado.

2. Dê suplementos

Apesar da ração ter, normalmente, tudo que o seu cachorro precisa, pode ser necessário que ele consuma alguns suplementos, especialmente para a longevidade.

O que acontece é que as rações têm os nutrientes básicos para uma vida saudável, mas às vezes pode ser necessário uma coisa ou outra. Um exemplo de suplemento de qualidade para o seu cão é o Longevi, produto da Petvi. Esse suplemento é em pó e deve ser misturado com a ração e um pouquinho de água. Os cães adoram!

No entanto, lembre-se de que os suplementos devem ser prescritos preferencialmente por um veterinário ou nutricionista dos cães. Eles sabem se o seu cachorro precisa ou não desse reforço.

3. Leve-o para passear e se exercitar

Você leva o seu cãozinho para passear e se exercitar? É importante fazer isso, pois o exercício físico tem muitos benefícios para o corpo e a mente, inclusive dos cães. Portanto, sempre leve o seu cachorro para, no mínimo, uma voltinha ao redor do seu quarteirão.

Isso ajuda o cão a ver novos ares, soltar um pouco da energia acumulada por ficar dentro de casa e se divertir, além de queimar calorias e trabalhar sistemas internos e musculares. Só tome cuidado para não levar o seu cachorro para andar na rua no Sol quente, especialmente no verão, pois as patinhas dele podem se machucar na calçada quente.

De preferência, leve o seu cão para passear de manhã, antes das 10h, ou de tarde, depois das 18h. São os horários mais frescos para ele. No inverno ou outono, claro, pode levar em qualquer momento do dia.

4. Dê banho e cuide da higiene dele

Nós sabemos que os cachorros não são os bichos com maior higiene. Faz parte de quem eles são. É por isso mesmo que você tem que entrar em ação e garantir a limpeza do seu cãozinho.

Quando o cachorro anda por aí e acumula sujeira, ele abre a margem para certos tipos de doenças e situações que podem diminuir o seu tempo de vida. É por isso que devemos dar banho na frequência certa, cortar as unhas, tosar o cachorro e muito mais.

Se você não tem tempo para tudo isso na frequência adequada, contrate um pet shop para cuidar dessa parte. Muitos oferecem serviços agendados e podem até ir à sua casa para cuidar do seu pet.

5. Leve-o para o veterinário regularmente

Por fim, marque consultas frequentes com um veterinário para fazer check-ups no seu cachorro. Existem muitas situações graves que podem ser resolvidas no começo, mas que não são identificadas porque os donos só levam os cães no veterinário quando os sintomas mais graves aparecem.

Pronto! Essas são as dicas básicas para aumentar a longevidade do seu cão. Seguindo-as, você conseguirá manter o seu cachorro vivo por mais tempo, pois retirará de cena os principais fatores que diminuem a vida de um pet desses. Basicamente, o segredo para que eles vivam um pouco mais, é dar carinho e bons cuidados de saúde e higiene. Isso é o suficiente para ampliar a vida desses animais.

E aí, gostou do conteúdo? Então comente abaixo com a sua opinião sobre o tema e compartilhe o texto para que mais pessoas tenham acesso a essas informações!

Redação

A redação da Revista Portal Útil é formada profissionais com vasta experiência em diversos setores de atuação.

1

Pode ser do seu interesse

O que fazer quando o cãozinho quer destruir tudo?

O que fazer quando o cãozinho quer destruir tudo?

Como criar gato em apartamento

Como criar gato em apartamento

Dipirona para gatos: Veja quando é indicado e como medicar

Dipirona para gatos: Veja quando é indicado e como medicar

Condroitina: conheça o composto que ajuda em problemas articulares de cães

Condroitina: conheça o composto que ajuda em problemas articulares de cães

O que é Catnip? – Conheça a famosa erva-dos-gatos!

O que é Catnip? – Conheça a famosa erva-dos-gatos!

Quantas gramas de ração um cachorro deve comer por dia?

Quantas gramas de ração um cachorro deve comer por dia?