sexta-feira, 1 de julho de 2022 - 01/07/2022 10:20:21
Revista Portal Útil

O conteúdo "Descobri que meu gato vai à casa do vizinho. Como evitar?" foi feito por Redação e distribuído por Revista Portal Útil na categoria Pet em .


Não são raras as histórias de gatos que gostam de sair de casa e de outros animais que visitam regularmente alguns vizinhos. Certos pets fazem isso por anos e sempre voltam. Mas, embora muita gente considere as saídas como naturais, elas não são recomendadas e o espaço do gato precisa ser pensado para evitá-las.

Um dos motivos é que alguns vizinhos podem não gostar da visita indesejada e maltratar seu gatinho. Mas, mesmo que eles sejam legais, é importante lembrar que as saídas expõem o seu pet a outros animais e, consequentemente, a doenças contagiosas e possíveis brigas que podem machucá-los

Embora os gatos tenham o olfato aguçado que os ajuda a voltar para casa, eles também podem se perder ou se envolver em acidentes graves, como atropelamentos e quedas ao tentar escalar muros e árvores. Isso sem falar no risco de ingerir algo na rua que possa ser tóxico. 

Enfim, o ideal é que o animal não saia de casa — ou pelo menos não sem a sua supervisão, ou de alguém da sua família. Sim, alguns gatos (nem todos) podem gostar de passear para gastar energia, mas isso deve ser feito com uma coleira e por ambientes que você controle, ao menos minimamente.

O que este artigo aborda:

Por que eles saem?

Os gatos são animais curiosos que tendem a querer explorar e descobrir novos ambientes. Na natureza, eles também são caçadores e, mesmo que estejam bem alimentados, o instinto, muitas vezes, fala mais alto. Se o animal não é castrado, também pode sair à procura de parceiros.

Gatinho branco

Um animal de estimação é como uma criança, que os pais precisam, além de cuidar e alimentar, impor limites. Por isso, mesmo que seja natural que o gato queira sair, é papel do tutor deixar claro que essa não é uma boa ideia.

Como evitar?

Não é fácil controlar os animais que, muitas vezes, são imprevisíveis. No entanto, algumas estratégias podem diminuir drasticamente as chances de que o seu gato saia de casa sozinho. Veja a seguir:

  • Nos apartamentos, sempre coloque tela nas janelas, para evitar que o animal se acidente;
  • Nas casas, tente evitar que ele saia para o quintal, especialmente se o local tiver acesso à rua. Portões fechados e altos podem resolver a questão;
  • Castrar os animais é parte importante de uma adoção responsável e ajuda a diminuir o desejo que eles têm de sair de casa;
  • Enriqueça os ambientes com brinquedos e estímulos que ajudem o seu pet a gastar energia e a não ficar entediado, fator que geralmente faz com que o animal queira sair;
  • Passe um tempo de qualidade com o seu pet. Os gatos são independentes, mas também gostam de atenção e carinho. Isso os ajuda a gastar energia e também a se sentirem seguros no ambiente de casa;
  • Ofereça sempre comida e água fresca para o animal. Embora alguns gatos preferem água corrente. Lembre-se, também, que os potes devem ser adequados para não irritarem os bigodes, que são sensíveis.
  • Mantenha as caixas de areia sempre limpas. Os gatos são animais higiênicos e não gostam de usar banheiros sujos. Esse pode ser outro motivo que justifique a saída do animal.
  • Tente não dar atenção para o pet quando estiver na porta, porque isso pode chamar a atenção do animal para essa saída. O ideal é deixar para cumprimentá-lo ou se despedir longe da porta, de preferência em outro cômodo da casa.
  • Se o pet fica perto da porta esperando alguém abrir, você precisa ter mais atenção. Se possível, use outra saída nessas ocasiões.

Redação

A redação da Revista Portal Útil é formada profissionais com vasta experiência em diversos setores de atuação.

1

Pode ser do seu interesse

Quantas gramas de ração um cachorro deve comer por dia?

Quantas gramas de ração um cachorro deve comer por dia?

Dia dos Avós: saiba como cuidar bem do seu pet idoso

Dia dos Avós: saiba como cuidar bem do seu pet idoso

6 raças de cachorro para ter em sua casa

6 raças de cachorro para ter em sua casa

Ozonioterapia para uso veterinário: entenda como funciona e as vantagens!

Ozonioterapia para uso veterinário: entenda como funciona e as vantagens!

O que fazer quando o cãozinho quer destruir tudo?

O que fazer quando o cãozinho quer destruir tudo?

Ração boa e barata: Qual escolher para o seu pet?

Ração boa e barata: Qual escolher para o seu pet?