quarta-feira, 25 de maio de 2022 - 25/05/2022 07:47:13
Revista Portal Útil

Publicado por Redação em 20/04/2022 às 18:34.

Que o mercado de trabalho se torna cada dia mais desafiador já não é novidade para ninguém. O que poucos levam em conta é como um currículo bem feito pode fazer toda diferença na hora de tentar uma colocação melhor.

De fato, trata-se de um documento que serve mais ou menos como uma carta de apresentação ou um cartão de visitas. É por meio dele que a empresa vai travar o primeiro contato com sua personalidade, mesmo que você não saiba disso.

Portanto, assim como uma firma de lavagem de estofados de carros tem de fazer uma boa apresentação, seja no cartão de visitas ou nos panfletos, o candidato a uma vaga de emprego também precisa pensar nesses termos.

Tanto que hoje existe o termo personal branding, que nada mais é do que uma espécie de marketing pessoal, desenvolvido justamente para um colaborador pensar em como está sua apresentação e sua postura perante o mercado de trabalho.

Se você quer entender a fundo como isso funciona e quais as 3 melhores dicas para potencializar o seu próprio currículo, basta seguir até o fim.

Currículo digital

O que este artigo aborda:

O que é importante em um currículo?

Como vimos, o currículo é um documento, ou seja, um papel ou arquivo em que você conta um pouco melhor sobre si mesmo e suas experiências profissionais, só que seguindo uma determinada estrutura típica, como veremos.

Contudo, tem sido cada vez mais difícil montar esse material, pois a exigência das empresas tem crescido muito, assim como a competitividade do mercado.

Assim, quando um escritório de paisagismo piscina abre uma vaga para qualquer setor, seja marketing, criação ou financeiro, logo surgem dezenas de interessados.

Aí é que começa o esforço por se destacar na multidão, bem como a importância do currículo como uma das ferramentas que mais podem ajudar nisso.

Seus pilares podem ser os seguintes, em termos de conteúdo presente:

  • Nome e cargo;
  • Endereço;
  • Disponibilidade;
  • Pretensão salarial;
  • Experiência;
  • Diferenciais.

Enfim, são informações básicas e invariáveis, portanto não se esquecer de nenhuma delas já é uma dica valiosa também, porque isso poderia denotar falta de comprometimento.

Assim, o ideal é que o recrutador ou dono da vaga consiga descobrir quem é você em um relance, já que a maioria nem sequer lê o currículo inteiro.

1. Preste atenção

Naturalmente, se você der qualquer sinal de desatenção ou descompromisso, o recrutador pensará se o candidato não prestou atenção nem agora, imagine depois de conseguir a vaga, e vai eliminar você.

Na verdade, muitos candidatos acabam sendo desclassificados já na pré-seleção, porque mandam o currículo no e-mail errado, com erros de português, incompleto e daí em diante.

Portanto, prestar atenção no seu currículo, na proposta da vaga e nos procedimentos da empresa é algo fundamental.

2. Seja assertivo

Muita gente entende essa palavra de modo errado ou mesmo entende a proposta do currículo de maneira equivocada.

Ser assertivo é conseguir expor algo de maneira eficiente, ou seja, você não pode mentir no currículo, mas também não precisa se diminuir em nada.

Se você tem vasta experiência com banner de tecido personalizado, seja claro ao mostrar isso de modo direto e sucinto. Valorize seu passe, ao mesmo tempo sendo humilde e prático, sem ser pedante ou prolixo.

Tanto que durante um bate-papo com o recrutador, o mais indicado é que ao falar sobre si mesmo a resposta não dure mais de 3 minutos. Ao passo que as demais respostas específicas precisam ficar entre 1 e 2 minutos apenas.

Uma dica de ouro é relatar a experiência dos últimos 10 anos, para que o currículo não fique grande demais, então vá direto ao ponto e foque apenas o que importa.

3. Customize tudo

Por fim, além de atenção, português correto e assertividade, é preciso que você customize e personalize todo o seu currículo.

Esse ponto é muito importante, pois tem candidato que simplesmente dispara dezenas de currículos para todo tipo de empresa, gerando um processo confuso e genérico demais.

Portanto, se você quer entrar na área de projeto preventivo de incêndio, refaça seu currículo inteiro para que as descrições e o resumo foquem apenas nessa experiência.

Um diferencial incrível é você ir além e colocar o nome da empresa e do setor em que deseja entrar, com uma frase do tipo “Objetivo: fazer parte da equipe X na Empresa Y”.

Conclusão

Sendo assim, explicar o que é um currículo e qual é a sua importância são coisas cada vez mais indispensáveis, haja vista a competitividade do mercado de trabalho.

Por isso, acima aprofundamos esses conceitos e também os 3 melhores conselhos para você potencializar o seu currículo, tornando ele único e infalível.

Redação

A redação da Revista Portal Útil é formada profissionais com vasta experiência em diversos setores de atuação.

1

Pode ser do seu interesse

O que é um sistema de recrutamento e seleção? Saiba tudo

O que é um sistema de recrutamento e seleção? Saiba tudo

5 dicas para conseguir um emprego de aeromoça

5 dicas para conseguir um emprego de aeromoça

Transição de carreira: saiba como atualizar seu Linkedin

Transição de carreira: saiba como atualizar seu Linkedin

Melhore suas chances de conseguir um emprego com um curso de informática

Melhore suas chances de conseguir um emprego com um curso de informática

Regras e condições para o trabalho em altura que você precisa saber

Regras e condições para o trabalho em altura que você precisa saber

Entenda a diferença entre vale-refeição e vale-alimentação

Entenda a diferença entre vale-refeição e vale-alimentação